© 2019

  • YouTube
  • Facebook - Círculo Branco
  • Instagram - White Circle
  • Twitter - Círculo Branco

Sobre nós

No que cremos

Somos evangélicos, ou protestantes, ou o povo da cruz, ou o povo da Bíblia, mas acima de tudo, somos cristãos. O blog "A Luz do Evangelho" nasceu...

1. Deus: Cremos em um só Deus, que se manifesta em três pessoas igualmente divinas: Pai, Filho e Espírito Santo...

Nas redes

PEDOFILIA EM AÇÃO

20.10.2017

 

A sexualidade de uma pessoa é algo que se desenvolve ao longo dos anos de maneira natural. Esse tempo pode variar de pessoa para pessoa, mas certamente a sexualidade não se aplica a crianças, pois crianças não sentem desejos ou necessidades sexuais, pelo contrário, é natural ver a repulsa de uma criança a um beijo na boca, por exemplo, ou a um corpo nu, e isso demonstra que elas ainda não estão prontas para esse universo.

 

Quando uma criança começa a demonstrar algum interesse sexual, essa sexualidade ainda está em fase de desenvolvimento, de descoberta, e ainda vai levar algum tempo para que isso seja plenamente entendido, e esse entendimento pleno, do que é o sexo, como é o sexo, o que traz como consequência, geralmente só se dá na fase da adolescência. Na adolescência o corpo humano por si só já produz os hormônios que estimulam a sexualidade dos indivíduos, conduzindo-os assim ao mundo sexual, o corpo já está desenvolvido e preparado, já obedece facilmente a estímulos, a mente já entende melhor esse universo. Tudo tem o seu tempo!

 

 

Infelizmente no Brasil o apelo sexual é tão grande que, aliado a falta de bom senso dos pais nesse controle, tem roubado a infância de nossas crianças. As músicas são quase sempre de cunho sexual, as coreografias e os figurinos não ficam para trás, e tudo o que deveria ser voltado para o público adulto, acaba chegando facilmente ao público infantil, que repete tudo o que vê e ouve, incentivados ainda pelos próprios pais. Consequentemente, nossas crianças estão cada dia mais sensuais, e entrando em atividade sexual cada dia mais cedo, enquanto seus pais permanecem achando que "não tem nada a ver". Assim, crianças geram crianças, e as famílias estão cada dia mais desestruturadas.

 

Parece que os governantes do nosso país também não veem problema em sexualizar crianças. O MEC vem, ano após ano, introduzindo questões de doutrinação sexual na programação educacional de nossas crianças, induzindo as escolas e professores a acreditarem que o "sexo infantil" é um direito da criança, e não um abuso, tudo isso sem o consentimento dos pais e familiares. Veja alguns dos materiais distribuídos pelo MEC às escolas de ensino fundamental, para crianças a partir dos 6 anos de idade.

 

Os materiais instigam a curiosidade nas crianças, para que elas busquem o toque, a masturbação, o ato sexual em si, exibindo imagens explícitas de conteúdo sexual, órgãos genitais, ensinam a transar, e ainda colocam filhos contra pais. Assim, crianças são conduzidas ao sexo precocemente, dentro das escolas, com o apoio governamental, e eles ainda dizem que isso não é doutrinação. Qual é o objetivo do governo na sexualização de nossas crianças?

 

 

Comunismo em ação

 

Vladimir Ilyich Ulyanov, mais conhecido pelo pseudônimo Lenin, foi um revolucionário comunista russo, de classe média alta, ideologicamente marxistas. Um indivíduo controverso e altamente divisionista, Lenin é visto pelos marxistas-leninistas como um herói do socialismo e das classes trabalhadoras, enquanto os críticos, tanto da esquerda quanto da direita, o veem como o fundador de uma ditadura totalitária responsável por violações aos direitos humanos.

 

Em 1913, Lênin escreveu o "Decálogo", mais conhecido como "Os Dez Mandamentos de Lenin", que apresentava ações táticas para a tomada do poder. Veja e compare ao quadro político que se vê no Brasil hoje:

1.Corrompa a juventude e dê-lhe liberdade sexual;
2.Infiltre e depois controle todos os veículos de comunicação de massa;
3.Divida a população em grupos antagônicos, incitando-os a discussões sobre assuntos sociais;
4.Fale sempre sobre Democracia e em Estado de Direito, mas, tão logo haja oportunidade, assuma o Poder sem nenhum escrúpulo;
5.Colabore para o esbanjamento do dinheiro público;
6.Coloque em descrédito a imagem do País, especialmente no exterior e provoque o pânico e o desassossego na população por meio da inflação;
7.Promova greves, mesmo ilegais, nas indústrias vitais do País;
8.Promova distúrbios e contribua para que as autoridades constituídas não as coíbam;
9.Contribua para a derrocada dos valores morais, da honestidade e da crença nas promessas dos governantes. Nossos parlamentares infiltrados nos partidos democráticos devem acusar os não-comunistas, obrigando-os, sem pena de expô-los ao ridículo, a votar somente no que for de interesse da causa socialista;
10.Procure catalogar todos aqueles que possuam armas de fogo, para que elas sejam confiscadas no momento oportuno, tornando impossível qualquer resistência à causa.

Estado, mídia e crime organizado de mãos dadas para derrubar o país, e colocar uma ditadura socialista no poder. O Estado abre as fronteiras, desarma o povo, impõe a corrupção e legisla em causa própria, segrega a sociedade, derruba a economia, doutrina, e causa o caos. A mídia omite a verdade, manipula a sociedade, incentiva divisões, serve ao governo, aliena o povo e sexualiza a nação, principalmente a juventude. O crime organizado controla a sociedade, impondo o medo e o terror, e a mantém passiva.

 

A receita da esquerda socialista é alegar "a busca de direitos e igualdades", mas buscar privilégios e despenalizações, veja: o direito a uma sexualidade saudável é transformado em direitos para os LGBTs; a luta pela emancipação feminina é transformada na luta pela despenalização do aborto; a luta pela igualdade racial é transformada em sistemas de cotas; a luta pela "liberdade sexual infantil", que agora vemos, é na verdade a luta pela despenalização da pedofilia... Se crianças passam a ser tratadas como tendo "direitos sexuais", pedofilia deixa de ser crime, e passa a ser tratada como "doença", a seguir virá a legalização de todo tipo de sexualidade bestial: zoofilia, necrofilia, e ladeira abaixo.

 

Globo News diz: "Pedofilia é uma doença que não tem cura, mas tem tratamento"

 

 

A "arte" e a sexualização infantil

 

A exposição "artística", "Queermuseu" do Santander Cultural (RS), direcionada ao público escolar, de temática LGBTQ, exibiu pornografia, pedofilia, zoofilia, sem falar no uso indevido de símbolos religiosos do catolicismo romano, tudo isso caracteriza crime de acordo com o Código Penal Brasileiro e com o Estatuto da Criança e do Adolescente, mas sob a alegação de ser "arte" para algumas pessoas a lei não se aplica. Veja algumas das peças exibidas nesta exposição, que lembrando, era destinada ao público escolar:

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Outra performance "artística", “La Betê” no Museu de Arte Moderna (SP), teve a participação de uma criança. No vídeo (aqui) é possível ver claramente que a criança é incitada a tocar o corpo de um homem completamente nu. Ela o toca na ponta dos dedos da mão e foge, visivelmente desconfortaável com a situação, mas ainda sim é incentivada novamente, pela própria mãe, a voltar e continar o toque. A criança mais uma vez obedece e foge.

 

É preciso lembrar que um dos objetivos do Estatuto da Criança e Adolescente (ECA) é possibilitar o crescimento saudável da criança e adolescente fazendo isto por meio da fixação de faixa etária para a exposição de conteúdos artísticos (Art. 74), e a exposição de crianças a conteúdos adultos (isto inclui sim a nudez) é vedado por lei, configurando infração de natureza administrativa e penal.
Essa determinação é impositiva a TODOS, tanto ao expositor, quanto ao responsável legal do menor de idade, podendo este inclusive responder a processo de destituição do poder familiar e vir a perder a sua qualidade de pai por ter praticado atos contrários a moral e bons costumes (olha eles aí, regidos pela lei - Art.  1.638).


O ECA determina a proibição da venda de produtos impróprios a crianças e adolescentes, descrevendo revistas pornográficas como um desses produtos (art. 81, V e art. 78, parágrafo único, do ECA). Se a lei não admite que menores de idade tenham acesso a conteúdo pornográfico, na modalidade impressa, muito menos se admitirá a exposição real, de um homem nu, para um público infanto-juvenil (Art. 240 do ECA). Por fim, numa análise mais rígida, podemos vislumbrar a prática do crime de estupro de vulnerável (art. 217-A, do Código Penal), uma vez que a criança era obrigada pela mãe e demais participantes do evento a tocar no homem nu, uma vez que o estupro não se configura apenas com o coito carnal, mas também pela prática dos demais atos libidinosos impostos contra a vítima, ainda que somente um toque.

 

Além disso, o artigo 34 da Convenção Internacional sobre os Direitos da Criança, promulgada pelo Brasil por meio do Decreto de no 99.710, de 21 de novembro de 1990, determina que as nações participantes se comprometam a impedir a exploração da criança por meio de espetáculos ou materiais pornográficos. Ou seja, a performance "artística" tem total liberdade de se expressar, desde que não infrinja as leis que regem a nação. O direito a liberdade de expressão, neste caso, terminou quando violaram o direito a integridade psíquica das crianças. Crime não se "tolera"!

 

 

A erotização infantil é o primeiro passo para a legalização da pedofilia

 

É nítida a intenção subversiva por de traz das tentativas de erotização/sexualização de menores de idade realizadas por essas organizações, com claro objetivo de descriminalizar o crime de pedofilia, permitindo-se a partir daí o sexo entre adultos e crianças de maneira livre. A ideologia de gênero, nas escolas, é o pontapé inicial.

 

Dr. Guilherme Schelb, Procurador da República em Brasília, mestre em Direito Constitucional e especialista em segurança pública. Autor de diversos livros sobre educação, família e infância, nos chama a defender nossas crianças pela fé, pela oração e pela lei!

 

 

Queridos, não se deixem enganar, sob a alegação de "defender a diversidade sexual" e "combater preconceitos", pois os governistas socialistas e seus aliados declaram guerra a família e a igreja de Cristo, já que somos as únicas instituições DIVINAS que ainda militam contra seus verdadeiros E OCULTOS ideais.

 

É importante lembrar que a sexualidade bestial (pedofilia, zoofilia, necrofilia, canibalismo, etc.)  são práticas muito comuns no satanismo (leia mais aqui - se você aguentar essa realidade!).

 

Lute por seus filhos! Lute pelas futuras gerações! Lute pela igreja, de hoje, e de amanhã!


Fontes:

https://jornalivre.com/2017/09/30/exclusivo1-advogado-esclarece-todas-as-duvidas-juridicas-do-caso-mam/

https://psicologado.com/psicologia-geral/sexualidade/os-comunistas-e-a-homossexualidade

Please reload

ESTUDOS RECENTES

March 14, 2019

July 3, 2018

Please reload

DESTAQUES

A "IGREJA" MODERNA E SEU FALSO "EVANGELHO"

21.09.2017

1/10
Please reload

CATEGORIAS